Deputados propõem mobilização para trancar edital de concessão da BR-101 – Portal Agora
Conecte-se agora

Política

Deputados propõem mobilização para trancar edital de concessão da BR-101

Publicado

em

Vários deputados propuseram mobilizar a comunidade do Sul do estado para evitar que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) implante quatro praças de pedágio nos 220 km da BR-101 entre Paulo Lopes e Passo de Torres.

“Serão quatro praças com preço de R$ 4,40 a R$ 4,70 e não querem respeitar o critério de 100 km entre cada praça. Só tem um jeito de dar um recado e a mensagem chegar ao presidente: reunir as forças e o povo e parar a rodovia, temos de nos unir no maior protesto que o Sul já fez”, defendeu Felipe Estevão (PSL) durante a sessão de terça-feira (15) da Assembleia Legislativa.

“O edital de concessão está no Tribunal de Contas da União (TCU), este é o momento oportuno, temos que começar a trabalhar politicamente e travar o lançamento do edital e a audiência de amanhã às 15 horas com o ministro Tarcísio é fundamental”, avaliou Luiz Fernando Vampiro (MDB).

“Nós conseguimos reverter os pedágios da BR-282, uma das praças era em Xanxerê, no perímetro urbano”, informou  Luciane Carminatti (PT), que lembrou a votação recorde do presidente Jair Bolsonaro no estado. “É hora do presidente começar a devolver os votos”.

“É um absurdo o que a ANTT está fazendo com Santa Catarina, vai atrapalhar sim o desenvolvimento da região Sul”, concordou Ricardo Alba (PSL).

“Santa Catarina está entre os que mais envia recursos e entre os últimos que recebem”, criticou Sargento Lima (PSL)

“Acho que a bancada do Sul tem de fazer este debate, mas é uma luta em que o governador tem de se inserir, é de Tubarão, sem a ajuda do governador não vamos conseguir”, reconheceu Ivan Naatz (PV).

“É uma inconsequência, 50 km entre uma praça e outra, isso é tirar o pão de quem trafega por ali, é quase um escândalo”, avaliou Ada de Luca.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Propaganda

Facebook

Crie seu site na ServerPro